22 novembro, 2010

Ah! O mar !




Redondo é o mar

Redondo é o mar
carregado de jangada
plúmbeo a leva a navegar
vai altiva e assoberbada

O que carrega é enxada
revolve a terra a sangrar
embora pareça ser nada
condenada a soçobrar

Para onde ela vai sem parar
te direi com minha espada
pulso a pulso calibrada

Naquilo que escrevo topada
do que entendo por lutar
tirando da terra para dar

(Jaime Latino Ferreira)


E com essa enxada revolvo
Tudo o que a terra me oferece
Quando nem tudo é o que parece
O abraço doce onde me envolvo

Sei que flutuar o mar me deixa
por fim
Mesmo que da jangada me perca
Abraçarei a onda que me cerca
Ao encontro do lugar mais fundo
de mim

(Maria João)

porque redondo é o mar
navego sempre...
vou e volto
ao encontro do mundo
na procura incerta de um "porto" de aconchego
que encontro muitas vezes
num barco ancorado
à beira do mar

onde sempre navego
vou e volto...

(Dulce AC)


na minha jangada alada
navega apenas
a estrada

de santiago protege
os marinheiros as baleias

e as luzes altaneias
que acendo todas as noites
no último degrau da escada

como não fosse nada

.

dos sonetos e dos barcos
topamos com o que se cria, porque redondo é o mar!

(Manuela Baptista)

14 comentários:

manuela baptista disse...

Oh! Linda!

tão lindo este mar...

se eu fosse peixe
passeava-te ao luar

se eu fosse tartaruga

dava-te um mapa secreto
onde definido e impresso, o caminho que te faria voltar!

beijinhos

manuela

Jaime Latino Ferreira disse...

LINDA SIMÕES


Oh ...!

Há que dizer que a Sua jangada, a tartaruga, é bem diferente da minha ...!

Beijinhos que sendo redondos como o mar chegarão, estou certo, ao seu destino


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 22 de Novembro de 2010

Saozita disse...

Linda, redondo é o mar, na bola redonda do mundo e o ponto de partida, acaba por ser também ponto de chegada no regresso.

Uma boa noite para ti.

Bj

Sãozita

Zélia Guardiano disse...

Ah! O mar!
O mar encerra tudo...
Postagem magnífica!
Grande abraço

Carlos Gonçalves disse...

Linda, adoro o mar! Por coincidência, o último soneto que fiz foi, também, sobre o mar.
Tão maravilhoso este teu mar, Linda, nele deposito um beijo, para chegar a ti nas ondas do Oceano.
Carlos

Ana Martins disse...

Linda,
o mar é redondo, nele não há pontas pontiagudas mas tem força suficiente para nos emudecer!

Vou deixar-te aqui o meu e-mail para que me possas contactar, procurei o teu, mas não o tens na parte lateral do blogue.

apvsmartins@hotmail.com - Para adquirires o meu livro, envia-me a tua morada para este e-mail.

Beijinhos,
Ana Martins

Vieira Calado disse...

O mar!

Grande fonte de inspiração!

Foi de lá que viemos, não é?

Saudações poéticas

HELENA AFONSO disse...

OLÁ LINDA, estou de volta, depois duma viagem magnifica à AMAZÓNIA......acabei de fazer um post sobre o rio AMAZONAS... tinha muintas saudades dos meus companeiros do blog e de vir à SUA PÁGINA, ADOREI OS POEMAS SOBRE O MAR..... SOU FASCINADA E NÃO POSSO VIVER SEM O VER.... BJº helena

Valquíria Oliveira Calado disse...

O grande universo: mar
a mar deve ser grande...
bjos .

Saozita disse...

Linda, passo para te desejar uma óptima e linda semana.
Bj

Sãozita

HELENA AFONSO disse...

BELISIMO POST, EU ADORO O MAR, ALIÁS NÃO POSSO VIVER SEM ELLE AO PÉ, SOU PEIXE......
LINDA, fui ao Brasil mas ainda não foi desta que a vi...fui à AMAZÓNIA, também adorei, a NATUREZA É A FORÇA E O PÃO DA VIDA.......veja o meu post sobre a viagen no AMAZONAS,
beiji, HELENA

José María Souza Costa disse...

Um belo poema em um blog belissimo. Interessante o szeu espaço. Estou lhe convidando a visitar o meu blog, e se possivel seguirmos juntos por eles. Estarei lá grato esperando por vc.
Abraços de verdade

Vieira Calado disse...

A sua expressão "redondo é o mar"

no contexto,

sendo a chave poema,

diz tudo!

Bom fim de semana!

Beijinho.

Maria João disse...

Linda! Que linda!!!!!

Fui surpreendida por este mar imenso a quatro ondas desenhado... e poderiam ser muitas mais, porque o mar é tão redondo...

Um beijinho muito grande para si que sabe como se constroem pontes de simples jangadas.