19 agosto, 2011

Loucos e santos




Escolho meus amigos não pela pele ou outro arquétipo qualquer, mas pela pupila.
Tem que ter brilho questionador e tonalidade inquietante.
A mim não interessam os bons de espírito nem os maus de hábitos.
Fico com aqueles que fazem de mim louco e santo.
Deles não quero resposta, quero meu avesso.
Que me tragam dúvidas e angústias e agüentem o que há de pior em mim.
Para isso, só sendo louco.
Quero os santos, para que não duvidem das diferenças e peçam perdão pelas injustiças.
Escolho meus amigos pela alma lavada e pela cara exposta.
Não quero só o ombro e o colo, quero também sua maior alegria.
Amigo que não ri junto, não sabe sofrer junto.
Meus amigos são todos assim: metade bobeira, metade seriedade.
Não quero risos previsíveis, nem choros piedosos.
Quero amigos sérios, daqueles que fazem da realidade sua fonte de aprendizagem, mas lutam para que a fantasia não desapareça.
Não quero amigos adultos nem chatos.
Quero-os metade infância e outra metade velhice!
Crianças, para que não esqueçam o valor do vento no rosto; e velhos, para que nunca tenham pressa.
Tenho amigos para saber quem eu sou.
Pois os vendo loucos e santos, bobos e sérios, crianças e velhos, nunca me esquecerei de que "normalidade" é uma ilusão imbecil e estéril.


Oscar Wilde

10 comentários:

lobices disse...

...grato pela visita
...beijinho

Fernanda disse...

Oscar Wilde é único.

Amiga Linda Simões, a lista está pronta e o Concurso de poesia terá lugar dia 8 às 21;30.
Talvez seja eu a ler os seus poemas ou então a Maria José Areal.
Guardaremos para si o registo fotográfico do momento.
Obrigada.

Beijinho

. intemporal . disse...

.

.

. olá linda,,, .

.

. já publiquei este texto de Oscar Wilde por duas vezes nos meus blogues .

.

.

. nele . re.vejo os amigos que gosto de ter . [.ainda ontem falei com a manuela acerca disto mesmo.] .

.

. que coincidência . :) .

.

. um beijinho .

.

.

manuela baptista disse...

falou sim, Lindinha!

loucos e santos
santos e loucos com eu


está frio, em Olinda?

um beijo

manuela

manuela baptista disse...

"como eu"

peço desculpa...

Ana Martins disse...

Querida amiga,
acho este texto fabuloso, é como diz a Ná, Oscar Wilde é único.

Não sabia que também te inscreveste no concurso de poesia de Cerveira, eu também lá estou, amiga. Será um prazer ouvir os teus poemas!

Beijinho,
Ana Martins

Fernanda disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Fernanda disse...

Viva amiga Linda!

Nem sabe o quanto se falou de si em Cerveira !!!

Usaram-se só os pseudónimos, como deve imaginar, e houve alguém cujo poema foi lido, relido e lido de novo.


Daremos notícias para a semana. Já está quase.

Bom fim de semana e beijinhos

Fernanda disse...

Olá Linda!

Bom dia e especialmente bom Domingo!
Aqui está um dia lindo e quente, como eu tanto gosto.

Um bom dia e beijinhos

Jorge de Siqueira disse...

Passando pra dar um "olá". Fica em paz...