16 junho, 2009


"Pode invadir
Ou chegar com delicadeza
Mas não tão devagar que me faça dormir
Não grite comigo, tenho o péssimo hábito de revidar
Acordo pela manhã com ótimo humor
Mas ... permita que eu escove os dentes primeiro
Toque muito em mim
Principalmente nos cabelos
E minta sobre minha nocauteante beleza
Tenho vida própria
Me faça sentir saudades
Conte algumas coisas que me façam rir
Viaje antes de me conhecer
Sofra antes de mim para reconhecer-me
Acredite nas verdades que digo
E também nas mentiras, elas serão raras e sempre por uma boa causa.
Respeite meu choro
Me deixe sozinha
Só volte quando eu chamar
E não me obedeça sempre que eu também gosto de ser contrariada
Então fique comigo quando eu chorar, combinado?
Seja mais forte que eu e menos altruísta!
Não se vista tão bem...
Gosto de camisa para fora da calça,
Gosto de braços
Gosto de pernas
E muito de pescoço.
Reverenciarei tudo em você que estiver a meu gosto: boca, cabelos, cheiros, olhos, mãos...
Leia, escolha seus próprios livros, releia-os.
Odeie a vida doméstica e os agitos noturnos.
Seja um pouco caseiro e um pouco da vida
Não goste tanto de boate que isto é coisa de gente triste.
Não seja escravo da televisão, nem xiita contra.
Nem escravo meu
Nem filho meu
Nem meu pai.
Escolha um papel para você que ainda não tenha sido preenchido e o invente muitas vezes.
Me enlouqueça uma vez por mês
Mas me faça uma louca boa
Uma louca que ache graça em tudo que rime com louca: loba, boba, rouca, boca ...
Goste de música e de sexo
Goste de um esporte não muito banal
Não invente de querer muitos filhos
Me carregar pra a missa, apresentar sua família... isso a gente vê depois ... se calhar ...
Deixa eu dirigir o seu carro, que você adora
Quero ver você nervoso,inquieto
Olhe para outras mulheres
Tenha amigos que se tornem meus amigos e digam muitas bobagens juntos.
Me conte seus segredos ...
Me faça massagem nas costas.
Não fume
Beba
Chore
Eleja algumas contravenções.
Me rapte!
Se nada disso funcionar ...
Experimente me amar!”



Martha Medeiros

7 comentários:

António Castanheira disse...

Olá, Linda!

Espero q esteja tudo bem contigo.
Por cá, chegou o Verão!
Apesar de estar um tempo instável.
Estou ansioso por uns bons dias de praia. Já fui, mas estava vento.

Desejo-te um bom fim-de-semana.

Um abraço amigo deste lado do mar.
António

O Profeta disse...

Nasceu!
Nascem a todo o instante
Os sentires vindos da alma
Tatuados a cada semblante

Um beijo na tua procura
Um abraço fica suspenso
Um sorriso desponta da tristeza
Um olhar prende o momento


Bom fim de semana



Doce beijo

Ademar Oliveira de Lima disse...

Estive por aqui em visita ao seu blog! Abraços Ademar!!

Vieira Calado disse...

Amar é sempre o melhor remédio.

Bjs

victor simoes disse...

Linda, este é um poema muito bonito, retrata a paixão ideal. Uma paixão com todos esses imperativos, é chama acesa para todo o sempre. E claro amar é bom e resulta sempre.

Bjs

Valdemir Reis disse...

Amiga Prof(a) Linda visitando e compartilhando:
O valor da amizade?
“Quantas vezes são os amigos que nos fazem sorrir quando tínhamos vontade de chorar, mas a sua simples presença traz de volta o sol a brilhar em nossa vida.
Entretanto, não existe só alegria, amor, felicidade nesta relação que como em qualquer outro relacionamento, passa por crises passageiras, por momentos intempestivos, abalos ocasionais.
Podemos comparar esse elo de amizade ao tempo que passa por alterações climáticas constantemente, mas é dessa forma que aprendemos a nos conhecer, compartilhar momentos, que se desenvolve uma amizade.
É na amizade verdadeira que encontramos sinceridade, lealdade, afinidade, cumplicidade, simplicidade, fraternidade.
Amigos são irmãos que a vida nos deu para caminhar conosco ao longo da nossa jornada espiritual, extrapolando os limites do tempo, continuando quando e onde Deus assim o permitir.” Autora; S. Quevedo Nogueira
Permita deixar um recado o nosso Blog www.valdemireis.blogspot.com está participando do “CONCURSO TOP BLOG CATEGORIA VARIEDADES”. Fique a vontade. Honrado e feliz, antecipadamente agradeço por sua visita e voto, meu muito obrigado!!! Desejo uma semana repleta de realizações, muitas bênçãos, paz, saúde e proteção, brilhem sempre! Fique com Deus. Encontrar-nos-emos sempre por aqui. Sucesso.
Valdemir Reis

Marcos Dhotta disse...

A poetisa M.Medeiros é simplesmente fantástica!!! Ela escreve com a ousadia de quem NÃO precisa "NUNCA", permissão para entrar... Vai chegando, nos invadindo até a alma e atiçando nossos desejos mais secretos...Eita MULÈ danada.Valeu LINDA!!!