05 maio, 2009

Brisa do mar- Chico Buarque





Brisa do mar,Confidente do meu coração
Me sinto capaz de uma nova ilusão
Que também passará,
Como ondas na beira de um cais
Juras, Promessas, Canções
Mas por onde andarás
Pra ser feliz não há uma lei
Não há, porém, sempre é bom
Viver a vida atento ao que diz
No fundo do peito o seu coração
E saber entender
Os segredos que ele ensinar
Mensagens sutis
Como a brisa do mar.

Composição: João Donato

3 comentários:

António Castanheira disse...

Olá, Linda!

Uma boa semana.

Um abraço

david santos disse...

Lindo, minha amiga, lindo!
Sem dúvida, que o Chico é um "Monstro". Sempre tivémos e continuamos a ter, dos maiores do mundo. O nosso Chico é um dos grandes.
Parabéns e tem um dia feliz.
Abraços.

victor simoes disse...

Excelente, este "Brisa do Mar".
A brisa do mar transporta sempre, aromas distantes,mensagens e é com a brisa do mar que voam também os pensamentos, fluiem inspirações e se acalenta a alma.

Bj